Famílias atendidas pelo Mandacaru visitam projetos na Ecoescola

A Ecoescola Thomas a Kempis recebeu na manhã desta terça feira dia 03 de janeiro membros do setor de Organização e Produção com duas mulheres representantes das famílias da localidade Coitada. A razão da visita se deu pela necessidade das famílias conhecerem a mais nova área de produção de hortaliças desenvolvidas na Ecoescola através do sombrite, onde se retém 50% da luz solar e a irrigação de água suspensa o que gera economias. Essa economia é refletida em tempo e água além das hortaliças apresentarem uma maior rapidez na produção e desenvolvimento das plantas. Este sistema tem assessoria do técnico Robert Fontinele.

O modelo sombrite com irrigação suspensa mostra as várias vantagens na hora de produzir hortaliças com o menor custo financeiro e menor gasto de tempo. Por este motivo o setor de Organização trouxe representantes destas famílias para que elas pudessem ver e obter maiores informações desse sistema de produção e dentro de suas possibilidades passar a trabalhar na comunidade nessa forma.

Uma tradição em Produção Orgânica

A localidade Coitada produz hortaliças orgânicas há vários anos, uma tradição passada de pais para filhos, num modelo bem tradicional onde se ocupa muito tempo para a produção. Vendo a necessidade de procurar melhorias, algumas famílias vieram até o Mandacaru para pedirem assessoria. Desde então o setor de Organização e Produção vem assessorando estas famílias. Os primeiros passos na comunidade foram despertar nas famílias a organização comunitária, a importância do trabalho coletivo e também disponibilizar água próximo dos canteiros, pois esse era um grande sofrimento das famílias principalmente no verão.

Depois disso foram trabalhados cursos de defensivos orgânicos, novos modelos de canteiros além da prática de produção composto orgânicos onde as famílias aproveitam os restos de folhas ou estercos de pequenos animais da própria comunidade. Foi implantado também um projeto de abastecimento de água de um poço cacimbão até os canteiros.

Dois anos de Assessoria

Desde o início desta assessoria, (2010) as famílias já mudaram muito a forma de trabalhar resultando no aumento de sua produção sempre orgânica. Agora pelo menos três das oito famílias se mostram interessadas em trabalhar esse modelo de produção. Por esta razão o setor de Organização e Produção irá se reunir com estas famílias dia 07 de fevereiro para discutirem o tema.

Neste período também as famílias já receberam através do acompanhamento do Mandacaru abastecimento de água, reduzindo o sofrimento de buscar água na cabeça para seu consumo familiar. Um projeto enviado e implantado pelo DNOCS em parceria com Prefeitura de Pedro II levou água do poço comunitário até suas casas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s